Maca peruana para que serve?
19 de março de 2023
Ectomorfo: faça isso para crescer!
27 de março de 2023

 

Se você passa horas sentado sem se levantar para se locomover, você pode sofrer o problema denominado de amnésia glútea. 

Esta condição, também conhecida como síndrome da bunda morta, tem por objetivo que os glúteos não se esqueçam de seu principal objetivo: manter o corpo alinhado. 

A amnésia glútea é mais comum em pessoas que têm uma rotina sedentária. O tempo gasto sentado faz com que os músculos dos glúteos se estiquem e os flexores do quadril, responsáveis por dar movimento às pernas, se contraem. 

MÁ POSTURA AO SENTAR CAUSA AMNÉSIA GLÚTEA

Então, uma simples caminhada pode desencadear um episódio da síndrome. Os sintomas incluem sensação de alfinetadas, dor e rigidez na parte inferior das costas e joelhos, assim como inflamação na bursa do quadril.

Esse é um problema que afeta algumas mulheres no treino de musculação. Ela acontece porque a mulher não consegue estimular o glúteo na melhor forma possível.

É fácil de perceber isso em alunas que fazem agachamento no smith e jogam os joelhos para frente.

SOLUÇÃO

Para resolver isso, você deve seguir uma linha de treino específica. As articulações do quadril, os glúteos e os flexores podem ser mantidos fortes e flexíveis com alguns exercícios simples, realizados algumas vezes por semana. 

Um deles é o alongamento dos isquiotibiais, que exige que uma das pernas esteja levemente dobrada e a outra, reta.

ALONGAMENTO DO POSTERIOR E GLÚTEO RESOLVE A AMNÉSIA

 A cintura deve ser dobrada suavemente até sentir um leve puxão no tendão da perna reta. Isto deve ser mantido por 10 segundos, sendo recomendado que se mantenha até 30 segundos, trocando as pernas entre cada um.

Além disso eu deixei uma rotina completa abaixo que postei no instagram do @musculacaoonline

  • Alongamento dos músculos antagonistas
  • Exercício isolado 30-50 rep
  • Exercício com altas carga 4-6 rep
  • Treino com prioridade anatômica

TREINO PARA AMNÉSIA GLÚTEA

Vou dar um exemplo prático a seguir:

  • Alongamento dos flexores do quadril
  • Glúteo isolado 3×30
  • Cadeira abdutora 3xx20
  • Split 5×4
  • Agachamento 3×10
  • Búlgaro 3×12
  • Elevação pélvica unilateral 3×20
  • Cadeira extensora 3×20
  • Stiff 3×12
  • Cama flexora 4×6

Nesse treino eu usei a ativação do glúteo e depois a prioridade anatômica, para estimular ao máximo a hipertrofia do músculo.

Essa estratégia foi usada com minha aluna Célia Beldrame, que sempre teve mais resultados no quadríceps do que no glúteo. E agora está arrasando por ai como uma menina com o bumbum perfeito mesmo depois dos 40 anos!

Referência:

Se esse post te ajudou, compartilhe com uma amiga que vai gostar também!
Serefoglu A, Sekir U, Gür H, Akova B. Effects of Static and Dynamic Stretching on the Isokinetic Peak Torques and Electromyographic Activities of the Antagonist Muscles. J Sports Sci Med. 2017;16(1):6-13. Published 2017 Mar 1.

Rodrigo Ramos
Rodrigo Ramos
Sou Personal Trainer, especialista em programas de hipertrofia e definição muscular. Se tiver alguma dúvida CLICA NO ÍCONE DO WHATSAPP no canto inferior DIREITO da tela OU na imagem no meio do POST para falar diretamente comigo! Boa leitura!

Comments are closed.

× Como posso te ajudar?